O que é ICO? como funciona? Saiba tudo sobre

Share:
Investidores continuam apostando pesado nas ICOs. Só em maio deste ano, o volume de arrecadação de 900 ICOs listadas no site ICOBench foi de US$ 11,8 bilhões, mais que o dobro do que foi arrecadado na mesma época do ano passado US$ 5,5 bilhões.

ICO é a abreviação de "Initial Coin Offering" (oferta inicial da moeda). Os investidores investem em algumas unidades destas novas Criptomoedas, que normalmente são pagas com Bitcoin ou Ethereum e o valor arrecadado são usados para custear o desenvolvimento de novas Altcoins.

ICO's são usadas para financiar um projeto de Criptomoeda através da liberação e venda de tokens que de algum jeito está ligado ao projeto.

Como funciona

Para começar é preciso divulgar a ICO e normalmente os desenvolvedores começam anunciando nos principais foruns de Criptomoedas do mundo, como o Bitcointalk e nas principais empresas de publicidade online, como o AdSense. O anúncio contém várias informações importantes, como;
  • Informações do Whitepaper
  • Metas do projeto
  • Cronograma para o lançamento da ico
  • Cronograma para o desenvolvimento do projeto
  • As pessoas envolvidas no projeto
  • Experiencias da equipe
  • Características eminentes do projeto e vários outros detalhes da ICO
A verba para o desenvolvimento do projeto normalmente é arrecadado em Bitcoin ou Ethereum, seja por meio de um endereço público global (os participantes enviam o Bitcoin de suas carteira para o endereço onde os desenvolvedores controlam a chave privada) ou cria-se conta para cada investidor fornecendo-lhes um endereço exclusivo de Bitcoin.

O processo das ICO's variam de uma para a outra. Normalmente incluem alguns meses para arrecadar fundos e podem aumentar este prazo dependendo de sua demanda. Eventualmente, algumas ICO's irão limitar o valor máximo adquirido de tokens por seus investidores. Uma pequena porcentagem desse token é reservada geralmente para pagar publicidade, os desenvolvedores da Criptomoeda e as recompensas.

Quando o projeto da ICO é concluído o investidor irá receber suas moedas e assim que uma exchange lista-la em sua lista de Criptomoeda eles poderão vender ou trocar por outra Altcoin.

Resumo da historia da ICO

Há relatos de que a primeira Criptomoeda desenvolvida por ICO foi a Ripple. A Ripple Labs começou a desenvolver a Ripple no começo de 2013 e criou cerca de 100 bilhões de tokens XRP. A empresa vendeu esses tokens para financiar o desenvolvimento de sua plataforma.

No mesmo ano a Mastercoin promete criar uma camada em cima do Bitcoin para executar contratos inteligentes (smart contracts) e utilizar tokens nas transações do Bitcoin. O desenvolvedor vendeu um milhão de tokens Mastercoin e recebeu cerca de $1 milhão de dólares.

Em 2014 a Fundação Ethereum vendeu ETH no valor de 0.0005 Bitcoin cada. Arrecadando quase $20 milhões de dólares, tornando-se um dos maiores crowdfunding e serviu como a base de capital para o desenvolvimento do projeto, sendo este o caso mais famoso.

Várias outras Criptomoedas foram financiadas com ICO, um exemplo é a Wanchain que em meados de 2018 vendeu seus tokens por cerca de $34 milhões de dólares. A Wanchain foi uma das maiores ICOs, se não a maior de todas!

Atualmente são criadas várias ICO e os investidores estão investindo cada vez mais nesse segmento, sendo que a cada ano o valor investido dobra, passando da casa de bilhões de dólares.

0 comentários via Blogger
comentários via Facebook

Nenhum comentário